Ligamos para Você
Nossa politica de privacidade e cookies Nosso site utiliza cookies para melhorar a sua experiência na navegação.
Você pode alterar suas configurações de cookies através do seu navegador.
Desc Imóveis
Desc Imóveis
Telefones para Contato

Busca de Imóveis

Selecione os critérios de busca nos campos abaixo e encontre seu imóvel dos sonhos

A localização do imóvel influencia no preço de venda?

A localização do imóvel influencia no preço de venda?
Publicado em 27/Set/2021
Sem Categoria

Decidir vender seu imóvel junto à imobiliária é um grande passo e que exige atenção a diversos detalhes, como documentação, formas de pagamento e, claro, o preço da venda. Afinal, definir um preço justo e que esteja adequado ao mercado é fundamental para se ter sucesso no negócio. No entanto, existem diversas variáveis que influenciam o valor e não apenas o que é oferecido do portão para dentro. Inclusive, em muitos casos, fatores externos são tão ou mais importantes do que a metragem ou número de quartos. Um dos principais elementos que influenciam o preço de um imóvel é a localização. Então, se quiser entender melhor, acompanhe o post de hoje e saiba como ela influencia e quais são outros fatores que você precisa considerar.

 

A localização do imóvel influencia no preço de venda?

A resposta para essa pergunta, como já falamos é sim! Inclusive, ela é um dos aspectos que mais influenciam na definição do valor do imóvel. Ainda que a pandemia do COVID-19 tenha mudado muitos hábitos, como o home office e serviços de delivery, ainda assim a localização exerce forte influência no preço da casa ou apartamento. E, quando falamos em localização, entende-se a vizinhança e toda a infraestrutura que ela oferece para quem decide comprar um imóvel na região. 

Por exemplo, residências que ficam próximas de pontos importantes de transporte público, como avenidas, terminais e estações de metrô, costumam ser mais valorizadas. Além disso, imóveis localizados em bairros com boa oferta de comércio e serviços, baixos índices de criminalidade e que sejam bem abastecidos por serviços básicos, como luz, água e gás, também possuem valor maior. 

Vale lembrar ainda que quanto mais a região do imóvel se desenvolve, com construções de novos prédios, comércios, chegada de metrô, entre outros itens, mais ele se valoriza, assim como ocorre o aumento do preço. 

 

Por fim, quanto mais perto das áreas centrais e bairros nobres, mais alto é o preço, visto que existe uma grande procura por esses locais, valorizando a oferta e elevando os valores. Da mesma maneira, imóveis em áreas muito afastadas ou periféricas, que sofram com alta incidência de criminalidade ou que não tenham pavimentação nas ruas e estrutura adequada, podem sofrer bastante com a desvalorização. 

Justamente por esse conjunto de fatores, é fundamental observar bem a região antes de estipular o preço do imóvel, assim como contratar ajuda de profissionais caso seja leigo no assunto. 

 

Quais outros fatores podem influenciar no preço de venda de um imóvel?

Confira abaixo quais são os outros elementos que podem influenciar o preço de venda do imóvel: 

 

Idade e estado de conservação

Imóveis novos são mais valorizados, uma vez que apresentam as tendências do mercado e ainda tem melhor estado em comparação aos imóveis antigos. Outro ponto importante é que além da idade do imóvel, o estado de conservação é fundamental para considerar no momento de estipular o preço. Ou seja, mesmo que o apartamento seja novo em idade, se estiver em com rachaduras, sujo e sem pintar, provavelmente o valor dele irá abaixar. 

 

Planta flexível

Apresentar uma planta flexível significa permitir possibilidades de alterações na configuração espacial dos ambientes. O sonho da compra, muitas vezes, está em detalhes específicos, como o conceito aberto no living com um lindo espaço gourmet. Sendo assim, procure por imóveis que facilitem uma possível mudança, pois há a tendência a ser mais valorizado. Isso acaba sendo mais comum em casas. Mas, nos apartamentos, também pode acontecer de terem paredes que podem ser removidas ou alteradas sem prejudicar a estrutura do prédio, possibilitando maior personalização do espaço e consequentemente sua valorização. 

 

Metragem e quantidade de ambientes

O valor de venda é diretamente influenciado pelo tamanho do imóvel, ou seja, quanto maior a área do imóvel, mais valorizado. Da mesma forma, o número de cômodos, como a quantidade de dormitórios, levando em consideração as suítes, área de serviço separada e sacadas são ambientes que também impactam o preço da propriedade. 

 

Área de lazer

Vale lembrar, por fim, que nas casas que possuem área externa com opções de lazer como churrasqueira e piscina, influenciam bastante o preço de venda. Já quando falamos de apartamentos, isso também influencia. Tanto em áreas de lazer privativas de uso coletivo dos condôminos, como nos espaços particulares de cada unidade como espaço gourmet e sacadas espaçosas com churrasqueira, Outro fator importante é o entorno do imóvel, como academias, playground, praças, bares e restaurantes, entre outros. 

Então, agora que você sabe como a localização influencia o preço de venda do imóvel e alguns outros fatores também impactam, já pode fazer um estudo de sua propriedade. Lembre-se que, caso seja leigo no assunto ou não esteja atualizado em relação ao mercado, o ideal é contratar profissionais capacitados para orientarem na elaboração do valor. Dessa forma, você garante um preço justo para você e que esteja dentro dos parâmetros do mercado, fazendo com que a venda seja feita de maneira mais rápida. 

 

Desc Imóveis. Sua imobiliária em Balneário Camboriú!